Por Que Empresas e Investidores Brasileiros Estão se Mudando para o Paraguai?

O Paraguai está atualmente competindo com potências regionais para um aumento do investimento estrangeiro direto da região. Graças à política fiscal prudente, o Paraguai escapou das dificuldades quando seus principais parceiros comerciais, Brasil e Argentina, foram atingidos pela crise financeira global de 2008. O país vive um crescimento econômico positivo desde a chegada do agora ex-presidente Horacio Cartes no cargo.

Apesar de ainda operar nas sombras de grandes players da região, como Brasil, México, Colômbia e Chile, o Paraguai está esculpindo seu nicho nos mercados local e global. Com o aumento da diversificação em suas indústrias, o país não é mais um pônei agrícola de um truque só. À medida que o país tira parte dos holofotes dos pontos turísticos tradicionais da economia, os investidores brasileiros estão aproveitando novas oportunidades e incentivos.

Empresas brasileiras investindo no Paraguai – Retomada nas perspectivas econômicas do Paraguai

Mulher e empresário discutindo investimento no Paraguai.
Paraguai tem economia diversificada e estável

Uma economia diversificada e os níveis de inflação controlados são aspectos cruciais da economia consistentemente flutuante do Paraguai. Esta potência regional é um dos principais produtores mundiais de soja, e contribui significativamente para o fornecimento global de carne bovina, milho e girassol.

O think tank brasileiro Fundação Getulio Vargas classificou o Paraguai como o melhor clima de investimento da América do Sul para os anos de 2016 e 2017. Em 2012, o investimento estrangeiro direto brasileiro (IED) no país atingiu US$ 809 milhões. Agora o Paraguai demonstra uma verdadeira força em uma série de aspectos comerciais e de estilo de vida, graças ao seu clima, diversidade geográfica e incentivos para trazer mais negócios para seu território.

Incentivos comerciais paraguaios para negócios

Em 1997, o Paraguai introduziu a Lei Maquila, que oferece condições preferenciais para as empresas de manufatura internacionais. Essas empresas são incentivadas a montar seus produtos no Paraguai para exportação.

Como gigante da indústria, o Brasil está aproveitando isso. Segundo o ministro da Indústria e Comércio do país, 90% dessas exportações voltam para o Brasil, e 60% das empresas que fazem uso da Lei Maquila são brasileiras.

Outro aspecto fundamental das condições econômicas locais que agradam às empresas brasileiras é o custo relativamente menor de mão-de-obra do outro lado da fronteira. A força de trabalho jovem e enérgica do país apoia e impulsiona a atividade empresarial e a inovação nos setores básicos e emergentes do Paraguai, tornando o país uma escolha natural para expandir ou cortar custos modelos de negócios.

Porto marítimo no Paraguai.
O Paraguai tem acesso a vias navegáveis vitais

A facilitação dos negócios internacionais pelo Paraguai está nas mãos de empresas estrangeiras que buscam uma base segura e de baixo custo na região para produção e exportação. Embora a demografia do ambiente de negócios estrangeiros do Paraguai seja predominantemente brasileira, o país é um facilitador igualmente viável para outras empresas estrangeiras embarcarem em suas operações de exportação para a América Latina.

O Paraguai, embora sem litoral, tem acesso a vias navegáveis vitais e se beneficiará de um projeto proposto para construir um Corredor Bi-Oceânico em todo o Brasil, Bolívia e Peru para conectar os principais portos orientais e ocidentais. Esse projeto reduzirá eventuais efeitos sentidos pelas empresas com o objetivo de realizar negócios de importação/exportação no país, embora atualmente o acesso do país aos canais do Rio Paraná e do Paraguai já ameniza essa preocupação.

Procure por oportunidades inexploradas

Pouco se sabe ou se divulga sobre as oportunidades econômicas específicas no Paraguai. Especificamente, há um potencial oculto significativo na indústria automotiva, hotelaria e indústrias agrícolas do país.

Em particular, o Paraguai é atualmente considerado um jogador ofuscado (mas não menos significativo) na crescente indústria da cannabis do continente. Enquanto os investidores estão se reunindo para aqueles sob os holofotes, Colômbia, México e, mais recentemente, Equador, o Paraguai tem sido um dos principais contribuintes para a produção regional de cannabis. Em 2017, o Congresso concordou com uma iniciativa patrocinada pelo Estado para permitir a importação de sementes e o cultivo de cannabis para fins médicos.

Embora isso atraia as empresas brasileiras que buscam se antecipar à curva, a legislação sobre cannabis ainda não teve uma revisão no Brasil.

Proximidade e negociação

O Brasil está próximo, e os dois países trabalham para facilitar o investimento na vizinhança. Embora a negociação entre Brasil e Paraguai possa ser difícil às vezes – pense na recente controvérsia sobre o acordo de energia sobre a hidrelétrica compartilhada de Itaipú –, os dois países estão trabalhando para o crescimento econômico mútuo e benefício comercial.

Atualmente, o Paraguai possui a energia elétrica mais barata entre os países membros do MERCOSUL, graças a esse projeto conjunto com o Brasil em relação a Itaipú. Esta hidrelétrica tem uma das maiores taxas de capacidade instalada para as do tipo no mundo.

Ambos os governos percebem a parceria essencial entre Brasil e Paraguai e trabalharão para suavizar as turbulências nas relações comerciais. Há um benefício inegável para o Paraguai estar situado ao lado do maior país da América Latina, tanto pelo valor populacional quanto pelo PIB. Para o Brasil, o valor está na natureza insaturada e de menor custo do mercado ao lado.

Futuro positivo pela frente

Homem procura em computador o aumento do investimento estrangeiro no Paraguai.
Na última década, o crescimento econômico anual do Paraguai foi de 4,8%

Na última década, o crescimento econômico anual do Paraguai foi de 4,8%, e o país não mostra sinais de desaceleração. A eletricidade barata e um mercado diversificado – formado por atividades industriais crescentes e incentivos comerciais para investimentos – estão atraindo empreendedores de países vizinhos.

O Paraguai busca se posicionar como trampolim para que as empresas multinacionais se mudem para o resto da região, e continuará a desempenhar seus pontos fortes para manter seu alto desempenho econômico nos próximos anos. Este não é apenas um segredo para os empresários brasileiros capitalizarem; palavra está saindo para o resto do mundo sobre o potencial do Paraguai. Agir rápido agora pode significar garantir sucesso comercial a longo prazo em um ambiente de negócios bem conectado na América Latina.

Faça parte do boom

O Paraguai está aberto para negócios, mas navegar no processo de expansão e abertura de empresas ainda pode ser desafiador para investidores estrangeiros que se ajustam a um novo sistema legal. Portanto, é uma boa ideia procurar um especialista local confiável que possa guiá-lo através dos passos para a conformidade.

Na Biz Latin Hub, possibilitamos operações de negócios suaves e transições para novos mercados na América Latina. Nossa equipe de profissionais locais e expatriados remove o ônus de garantir o cumprimento integral das regulamentações locais com nosso conjunto de serviços de entrada no mercado e back-office. Dessa forma, você pode se concentrar em fazer negócios sem qualquer atraso desnecessário.

Entre em contato conosco aqui na Biz Latin Hub e deixe-nos cuidar de suas necessidades legais e contábeis.

Saiba mais sobre nossa equipe e autores especializados.

Entrada no mercado e serviços de back-office no Biz Latin Hub.

Receba as últimas notícias e conselhos sobre como expandir seus negócios globalmente.


Assine a nossa newsletter para receber as últimas notícias e conselhos de negócios sobre formação de entidades, conformidade de entidades legais, contabilidade, back-office e requisitos fiscais.

  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.

Permissões de Marketing: Ao enviar este formulário, concordo que o Biz Latin Hub entre em contato comigo por e-mail usando as informações que forneci neste formulário e com o objetivo de me fornecer atualizações sobre negócios, formação de entidades, conformidade de entidades legais, contabilidade , serviços de back office, PEO e / ou para fins de marketing.

Que esperar: Se você deseja retirar seu consentimento e parar de nos ouvir, basta clicar no link de cancelamento na parte inferior de qualquer e-mail que lhe enviarmos ou entre em contato em [email protected]. VValorizamos e respeitamos seus dados pessoais e faremos o possível para protegê-los. Ao enviar este formulário, você concorda que podemos processar e usar suas informações de acordo com os termos e condições estabelecidos em nossa política de privacidade.

Pin It on Pinterest

Share This

Share This

Share this post with a friend or colleague!